Historial                             
 
A 17 de Novembro de 1910 Fernando da Silva iniciou a actividade como mecânico de instrumentos musicais em Lisboa, na Rua Possidónio da Silva, nº188. Tendo, posteriormente, mudado o ateliê para o nº 220 da mesma rua – exercendo a sua profissão por conta própria até 1943, data em que é convidado, pela firma Santos Beirão, a fundar as oficinas de reparação, reconstrução e fabrico de instrumentos de sopro da mesma. 
Mais tarde, em 1952, Francisco Alberto dos Santos (filho de Fernando da Silva) começa a sua aprendizagem na firma. Sendo que, dez anos mais tarde torna-se primeiro oficial.
 
Em 1970, Alberto Santos começa a sua aprendizagem de reparação, transformação e afinação de instrumentos de sopro de bocal, na Firma Santos Beirão Lda. com dois dos melhores mestres de instrumentos de metal de sopro (Fernando Silva e Francisco Alberto dos Santos – seu avô e pai, respectivamente).
Continuou a aprendizagem durante dez anos, até 1980. Cinco anos mais tarde, e ainda na firma acima referida, ascendeu a primeiro oficial de instrumentos de sopro. Trabalhou também vários anos na Firma Violino como mestre de instrumentos de metal em colaboração com várias firmas conceituadas da época, onde, numa das quais trabalhava um dos seus mestres, Francisco Alberto dos Santos.
 
Nos anos seguintes trabalhou por conta própria em Lisboa (Calçada da Ajuda) para músicos das bandas da PSP, GNR, Exército, Marinha, Força Aérea, Teatro Nacional São Carlos, Conservatório Nacional, Escola Metropolitana, Gulbenkian e das Sociedades Filarmónicas de Portugal continental e insular até 2005, data em que mudou de instalações para a Margem Sul (Seixal) – onde se encontra actualmente  na firma Alberto Santos (criada a 1 de Janeiro de 2005).
 

Copyright © 2009-2018 Alberto Santos                                      Logotipos: Vítor Ornelas                                         Webmaster: Amândio Rodrigues